Criador de "Kassabão" já pensa em bonecos de Serra e Afif para 2010

 

Não é só nos bastidores políticos que as eleições de 2010 já são delineadas. O criador do "Kassabão", boneco gigante que ajudou na campanha vitoriosa à reeleição do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (DEM), diz já ter pedidos para criar, em 2010, bonecos gigantes do atual governador José Serra (PSDB) e do secretário estadual Guilherme Afif Domingos (DEM).
Ricardo Nazário, que desenvolve produtos de marketing político, o "pai" do "Kassabão", diz que seu produto fez tanto sucesso que ele já tem encomendados novos bonecos para os prováveis candidatos tucanos e democratas das próximas eleições.
Neste ano, além do "Kassabão", o empresário criou outros 11 bonecos para candidatos e padrinhos políticos -como um do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, feito para a campanha de Serafim Corrêa, em Manaus.
"Não fiz bonecos para candidatos do PT, mas "Lulões", sim", diz ele, traduzindo em negócios o descolamento do presidente da República de seu partido nas eleições.
Além de São Paulo, seus gigantes cheios de ar foram usados em outra capital, Manaus, e em cidades do interior de São Paulo, como Campinas, Ilhabela e Araras.
Restrições
A idéia surgiu porque a Lei Eleitoral passou a proibir banners e brindes como bonés -material que Nazário fazia- e ele precisava modificar os produtos que oferecia para campanhas, seu principal ganha-pão.
Em uma visita a uma feira de marketing, viu um urso polar gigante fabricado por uma empresa que confeccionava mascotes e pensou em criar réplicas gigantes de políticos. Como modelo, encomendou um Jânio Quadros. Chegar a um boneco semelhante ao candidato foi responsabilidade da empresa de Luis Spalda Alves, que nunca havia trabalhado com produtos de marketing político.
Na campanha de Kassab, a entrada do "Kassabão" não foi fácil, relata Nazário. Ele sugeriu uma imitação não do próprio Kassab, mas do "Kassabinho", o bonequinho criado pelo marqueteiro Luiz González para o programa eleitoral de TV e material de divulgação.
"O marqueteiro não gostou, achou que poderia não ficar bem. Mas até o prefeito adorou o boneco, quando o viu", conta ele.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como funciona o pensamento conceitual

Inteligência e pensamento

Significado dos Dias da Semana