Psicologia experimental

 

Psicologia experimental, aplicação de técnicas de laboratório para estudar o comportamento e fenômenos psíquicos como a percepção, memória, pensamento e aprendizagem.

O fisiólogo Wilhelm Wundt fundou o primeiro laboratório psicológico, para descobrir as sensações que provocavam nos indivíduos uma série de estímulos sistematicamente controlados. Wundt dominou neste campo até princípios do século XX, quando os métodos introspectivos em psicologia foram depreciados.

A psicologia experimental engloba, desde seu início, diferentes métodos e pontos de vista, o que permitiu encontrar diversas aplicações práticas na indústria, na educação e na terapia.

As inquietudes sobre fenômenos como a percepção, a memória e a aprendizagem persistem, mas se complementam com enfoques fisiológicos e o uso de procedimentos estatísticos para demonstrar experiências e analisar dados, apoiados, hoje, pela tecnologia da informática.

Microsoft ® Encarta ® Encyclopedia 2002. © 1993-2001 Microsoft Corporation. Todos os direitos reservados.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como funciona o pensamento conceitual

Inteligência e pensamento

Significado dos Dias da Semana