As áreas de experiência da vida e as energias planetárias



Em seguida falarei sobre as Casas do mapa natal e sobre os planetas dentro de cada Casa. Ao falar sobre cada Casa você estará sabendo dos dons que você tem para viver as diversas experiências da vida humana. O signo que está na cúspide de uma Casa é o signo que rege essa Casa, e por isso ele determina a forma inicial que você aborda as experiências de uma Casa. Quando você tem uma Casa sem planeta, você não tem nenhuma energia vibrando nessa área de experiência da vida, o que não significa que você não vive as experiências dessa Casa, mas que as experiências dessa Casa estão sendo complementadas pelas experiências da Casa na qual está o planeta regente do signo que rege a Casa vazia.
Assim, se houver algum planeta na Casa que você está lendo, você saberá que a energia do planeta está sendo liberada para as vivências das experiências dessa Casa, e que o signo em que o planeta se encontra traz uma série de qualidades para a forma de expressão do planeta. A princípio pode parecer um pouco complicado, mas na verdade é muito simples. Transpondo esse processo para uma sentença, temos o seguinte: Você é o sujeito da oração, o planeta é a ação (o verbo mais os objetos; a ação exprime a energia liberada), a Casa é o adjunto adverbial de lugar (a área de experiência da vida) e o signo é o adjunto adverbial de modo (a forma que o planeta libera sua energia). Se seu Marte está na Casa 1, no signo de Leão, então você manifesta sua combatividade e sua auto-afirmação enquanto vive sua identidade básica e enquanto se apresenta e projeta sua imagem para os outros, isso de um modo leonino, ou seja, de modo expressivo, com um certo orgulho pessoal, e irradiando seu brilho pessoal.
Vamos exemplificar primeiro uma Casa vazia: Se a sua Casa 2 está vazia não significa que você não tem condições de vivenciar a experiência de ganhar seu próprio dinheiro. Significa que o signo que rege essa Casa traz uma série de qualidades que você dispõe para viver a experiência de ganhar o seu dinheiro, e o planeta que rege esse signo vai direcionar você para uma outra área de experiência da vida que você pode atuar para gerar seu dinheiro e adquirir seus recursos. Se o signo regente da sua Casa 2 é Capricórnio, então você tem uma característica de valorizar tudo que traz os atributos da austeridade, da excelência, da competência e da superação humana. E a sua maneira de ganhar dinheiro e gerar recursos tem essas qualidades capricornianas de lidar com os valores de maneira bastante séria e responsável, tirando leite de pedra e valorizando ao máximo os seus bens e os seus recursos. Mas, se Saturno, que rege Capricórnio, está na Casa 7, em Gêmeos, então, existe um direcionamento das experiências da Casa 2 para a Casa 7, onde você estará liberando uma energia saturnina colorida com os atributos geminianos, que neste exemplo poderiam ser as experiências de se associar e estabelecer parcerias comerciais, ou uma outra forma de interação estruturada, que desse modo estariam complementando as suas experiências de geração de valores e recursos dentro da abordagem capricorniana.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como funciona o pensamento conceitual

Significado dos Dias da Semana

Chave de Ativação do Nero 8